Diretores

Hector Babenco

Nasceu em Buenos Aires, Argentina, em 1946, e naturalizou-se brasileiro em 1970. Dirigiu os filmes: O Rei da Noite (1975), Lúcio Flávio, o Passageiro da Agonia (1977), ganhador do Prêmio do Público na 1ª Mostra e reexibido na 40ª Mostra, Pixote: A Lei do Mais Fraco (1981, 18ª Mostra e 42ª Mostra), O Beijo da Mulher-Aranha (1985, 9ª Mostra), pelo qual foi indicado ao Oscar de melhor diretor, Ironweed (1987), indicado ao Oscar de melhor ator e melhor atriz, Brincando nos Campos do Senhor (1991), Coração Iluminado (1996), Carandiru (2003), O Passado (2007, título que abriu a 31ª Mostra), O Homem que Roubou um Pato, episódio do longa Falando com Deuses (2014, 38ª Mostra), e Meu Amigo Hindu (2015), que abriu a 39ª Mostra. Ganhou o Prêmio Leon Cakoff na 37ª Mostra, em reconhecimento à sua carreira. Morreu aos 70 anos de idade em 2016.

Filmes já exibidos na mostra

  • LÚCIO FLÁVIO, O PASSAGEIRO DA AGONIA (1ª MOSTRA)
  • LÚCIO FLÁVIO, O PASSAGEIRO DA AGONIA (40ª MOSTRA)
  • O Beijo Da Mulher Aranha (9ª MOSTRA)
  • O Passado (31ª MOSTRA)
  • Pixote, a Lei Do Mais Fraco (18ª MOSTRA)
  • FALANDO COM DEUSES (38ª MOSTRA)
  • MEU AMIGO HINDU (39ª MOSTRA)
  • PIXOTE: A LEI DO MAIS FRACO (42ª MOSTRA)